paixão

E se…

Thursday, 24 January 2013, 11:49 | Tags: , , | Nenhum comentário
Postado por Fábio Betti 
e seE se você tivesse dito o que sentia para aquela garota da escola? Se tivesse dado aquele beijo que segurou tanto e se perdeu? Se tivesse se entregado para o outro de verdade? E se você tivesse jogado aquele emprego que você odiava para o ar? Se pudesse voltar atrás, o que faria: mudaria sua escolha ou permaneceria aprisionado pelo medo? Leia mais »

Relacionamentos que valem a pena

Monday, 26 December 2011, 13:48 | Tags: , , , | 4 comentários
Postado por Fábio Betti 
A despeito do valor dado a sexo e sacanagem, para mim relacionamentos são tão plurais que não cabem em qualquer caixinha, muito menos numa de preservativo ou de filme pornô. Por isso, quando vejo que a maior parte dos comentários postados neste blog não foge desses dois temas, sinto que alguma coisa anda muito errada no mundo. Leia mais »

Quando as relações acabam

Sunday, 16 October 2011, 13:37 | Tags: , , | 2 comentários
Postado por Clarissa Porciuncula 
Relacionamentos acabam por infinitos motivos. Graves, banais, importantes, fúteis. De todas as formas e cores, assim como são as pessoas. Relações possuem dinâmicas próprias, são feitas por ações e reações do dia a dia, minuto a minuto. Leia mais »

Paixões avatares

Friday, 03 June 2011, 20:26 | Tags: , , , , , , , , , | 4 comentários
Postado por Fábio Betti 
“Amor Líquido” é uma expressão cunhada pelo sociólogo Zygmunt Balman para definir a fragilidade dos laços humanos nesses tempos onde as relações são cada vez mais flexíveis, gerando níveis de insegurança sempre maiores. Segundo Balman, a prioridade a relacionamentos em redes, as quais podem ser tecidas ou desmanchadas com igual facilidade - e frequentemente sem que isso envolva nenhum contato além do virtual -, faz com que não saibamos mais manter laços a longo prazo. Segundo eu mesmo, vivemos uma era perigosa onde avatares estão substituindo seres de carne, osso, alma e verdade. Leia mais »

Te amo, nem sei se te amo

Monday, 02 May 2011, 21:50 | Tags: , , , , | 4 comentários
Postado por Fábio Betti 
Não sei ao certo como te amo, mas sei muito bem que você não me ama da mesma forma. Não sei ao certo como você me ama, mas sei muito bem que não é o mesmo amor que cultivo por você. As coisas que não sei, não as sei porque não as consigo pensar. E as coisas que sei, as sei simplesmente porque as sinto lá no profundo do meu ser e nem ouso explicar. Leia mais »

A cada paixão, o seu espaço

Wednesday, 16 February 2011, 14:49 | Tags: | 2 comentários
Postado por Fábio Betti 
Vejo por aí gente investindo na paixão por uma coisa para compensar a ausência da paixão por outra. A experiência me mostra que, toda vez que faço isso, o máximo que consigo é me enganar por um certo tempo, até descobrir de novo que nenhum tipo de paixão é substituível e que todos os tipos são necessários a um viver pleno. Leia mais »

O pecado de amar demais

Monday, 15 November 2010, 21:35 | Tags: , , , , | 3 comentários
Postado por Fábio Betti 
Outro dia, uma amiga me confidenciou que sofre de poliamor. Fiquei preocupado, não só em função do tom com que essa palavra – até então, desconhecida por mim - foi dita, mas, especialmente, com o que veio a seguir: “me apaixono o tempo todo, mas, para não trair meu marido, aprendi a comer com os olhos e lamber com a testa”. Leia mais »